Abertas inscrições para evento sobre literatura italiana traduzida

Estão abertas as inscrições para o colóquio internacional de Literatura Italiana, promovido pelo NECLIT (Núcleo de Estudos Contemporâneos de Literatura Italiana), da Universidade Federal de Santa Catarina, com auxílio da FAPESC (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina) por meio do edital PROEVENTOS.  Com o tema “Diálogos culturais e linguísticos: questões da Literatura Italiana Traduzida no Brasil”, o evento acontece entre 4 e 8 de junho e as inscrições podem ser feitas neste link.

O colóquio será um espaço de debate e reflexão sobre língua, literatura e cultura italiana por meio dos diálogos que passam a ser estabelecidos com tradução. “A presença de italianos e da cultura italiana em terra brasileira e, em especial no estado de Santa Catarina, faz parte da história do país. Hoje, graças ao desenvolvimento das comunicações, a presença da cultura e das artes italianas no Brasil está em fase de crescente intensificação e a quantidade de obras italianas, não apenas literárias, que aqui circulam é cada vez maior”, destaca a professora  Silvana de Gaspari, coordenadora do evento.

O evento contará com a presença de tradutores e pesquisadores em tradução da UFSC, UFRGS (Universidade Federal do Rio Grande do Sul), USP (Universidade de São Paulo) e UERJ (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), além do professor Salvador Pippa, da Universidade de Roma. O espaço de diálogo entre os conferencistas será um modo de operar em conjunto, problematizando todas as instâncias envolvidas, nos diferentes campos de conhecimento e atuação. “A realização desse evento, além de reunir a comunidade da italianística nacional, irá estreitar alguns laços já existentes, com o intuito de consolidar uma rede internacional que trabalha com a língua e a literatura italiana”, prevê a professora.

Além das palestras e mesas-redondas, estão previstos uma mostra de Literatura Italiana Traduzida e minicursos. O primeiro evento dedicado à língua italiana na UFSC foi realizado em 2010.

 

Fonte: Coordenadoria de Comunicação da FAPESC