Católica SC receberá o Circuito Inova SC na próxima quarta-feira

Na próxima quarta-feira, 17 de novembro, será a vez da Católica de Santa Catarina receber o Circuito Inova SC. O evento irá ocorrer no auditório da unidade de Jaraguá do Sul, com a possibilidade de participação do público em geral.

A programação está prevista para começar às 8h30, com o tema “Uniedu – Transformando Santa Catarina: Acafe + Secretaria da Educação “. Às 9h15, o foco será sobre o assunto “Inovando Santa Catarina: Acafe + Fapesc + Centros de Inovação”. Às 10h, começará o “Circuito Inova SC: Inovando e Transformando Santa Catarina”, com a palestra “Nas Trilhas da Inovação”, a ser ministrada pelo governador Carlos Moisés. Durante a visita, ele também deverá conhecer o trabalho dos bolsistas do Uniedu no centro universitário.

Sobre o Circuito Inova SC

O Circuito Inova SC tem os objetivos de promover integração, apoio, prospecção e potencialização do ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) do Estado. O evento está passando por 13 cidades catarinenses e fez a sua primeira parada em Criciúma. Na oportunidade, o governador ministrou uma palestra sobre os investimentos realizados durante a sua gestão na área da educação e as ações para valorização dos professores, como estabelecimento do piso mínimo de R$ 5 mil para profissionais com ensino superior completo e jornada de trabalho de 40 horas semanais. Conforme Carlos Moisés, até o fim de 2022, será repassado R$ 1,34 bilhão em bolsas do Uniedu para estudantes de graduação e pós-graduação. De acordo com o Governo, o número representa um aumento de 235% em relação aos R$ 401 milhões investidos entre 2015 e 2018.

Conforme o presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, o Circuito Inova SC é mais uma oportunidade de ligar os protagonistas do ecossistema de inovação em diferentes regiões do estado: “Conectar os atores do ecossistema de CTI de Santa Catarina é um dos objetivos da Fapesc. Estes eventos, realizados em parceria com a Acafe, serão de extrema importância para aproximar governo, pesquisadores, empreendedores e comunidade em torno de discussões fundamentais para a sociedade catarinense, dando transparência na utilização dos recursos públicos”.

O secretário do Desenvolvimento Econômico Sustentável Luciano Buligon reforça a necessidade de união entre os atores do ecossistema de CTI: “A integração entre a sociedade civil, a academia, o governo e as empresas preenche lacunas e fortalece o desenvolvimento. O Circuito Inova SC tem esse papel de unir as pontas e fortalecer ainda mais nosso ecossistema de inovação”.

O Circuito Inova SC é realizado pela Fapesc (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina), Acafe (Associação Catarinense das Fundações Educacionais) e Plataforma On. Tem o apoio do Governo do Estado, da SED (Secretaria de Estado da Educação), SDE (Secretaria de Estado do Desenvolvimento Econômico Sustentável), RCCI (Rede Catarinense de Centros de Inovação), Alesc (Assembleia Legislativa do Estado de Santa Catarina), Facisc (Federação das Associações Empresariais de Santa Catarina), Fecam (Federação Catarinense de Municípios) e Egem (Escola de Gestão Pública Municipal).

Sobre o Uniedu

Por meio do Uniedu (http://www.uniedu.sed.sc.gov.br/index.php/uniedu-principal), o Governo do Estado de Santa Catarina concede bolsas de estudo e bolsas de pesquisa e extensão para o pagamento total ou parcial das mensalidades dos estudantes em situação de vulnerabilidade econômica, regularmente matriculados nos cursos de graduação das instituições de ensino superior cadastradas na Secretaria de Estado da Educação. O valor do benefício é escalonado de acordo com o Índice de Carência. A bolsa de estudo é limitada a dois salários mínimos vigentes no mês de dezembro do ano anterior. Já a de pesquisa e extensão, a um salário mínimo.

A participação no programa possibilita auxílio financeiro para uma parcela da população que não teria condições de arcar com os cursos do ensino superior. Além disso, como contrapartida pelo recebimento das bolsas, o bolsista participa de programas e projetos sociais com visão educativa e devolve para a comunidade em forma de ações e serviços o recurso aplicado por meio das bolsas de estudo e pesquisa.

Sobre a Católica SC

A Católica SC está organizada em dois centros universitários, localizados em Jaraguá do Sul e em Joinville, e polos, em Itajaí e em Florianópolis. Conta com cursos de graduação, pós-graduação, Educação Executiva e Educação a Distância (EaD). Em 31 de agosto, completou 48 anos de atuação, sempre de olho no futuro e na inovação, mas sem esquecer suas origens.

Em Jaraguá do Sul, foi fundada em 1973 como Fundação Educacional Regional Jaraguaense (FERJ), uma instituição comunitária sem fins lucrativos. O primeiro curso, oferecido em 1976, foi o de Estudos Sociais e tinha o objetivo de formar professores. Nos anos seguintes, foram criados diferentes cursos que buscavam atender às demandas da região e contribuir para o desenvolvimento econômico local. Conta com dois endereços na cidade: a tradicional sede na rua dos Imigrantes, 500, e um espaço polo inaugurado em 2019 na Marechal Deodoro da Fonseca, 632, Centro. 

O polo em Itajaí fica no piso L3 do Itajaí Shopping Center. Em Florianópolis, está localizado na rua Tenente Silveira, 221, Centro. O Centro Universitário – Católica de Santa Catarina em Joinville ocupa atualmente o prédio da antiga Wetzel e reforça sua tradição ao ocupar um espaço que faz parte da história da cidade.

Informações da Assessoria de Imprensa da Católica SC