Esforços do governo estadual reconhecidos por jovens empreendedores

O governador Raimundo Colombo será homenageado hoje (20 de julho) na Conferência Mundial de Empresas Juniores, que acontece pela primeira vez em Florianópolis e deve reunir aproximadamente 4 mil pessoas. O reconhecimento se deve, entre outras coisas, ao impulso que o governo estadual vem dando a jovens empreendedores por meio de programas como o Sinapse da Inovação, operado pela FAPESC (Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina).

Desde o seu lançamento, em 2008, o programa já apoiou a criação de 294 empresas, que já depositaram pelo menos 94 patentes, geraram 1200 postos de trabalho qualificado e 259 relações de parcerias (com universidades, grandes empresas e outras).  As empresas somadas atingiram um faturamento estimado em mais de R$ 120 milhões em 2014.

A partir de metodologia da Fundação CERTI, o programa já envolveu mais de 28 mil cidadãos, entre proponentes de ideias, avaliadores e visitantes do Portal Sinapse da Inovação, atingindo 262 municípios catarinenses e disseminando a cultura empreendedora.  Este número tende a crescer pois em março passado foram anunciadas mais 100 empresas que receberão recursos do governo estadual. Em julho, a projeção catarinense aumentou: foi anunciado que são originárias do Sinapse da Inovação 6 das 8 empresas brasileiras contempladas num concurso de aceleração da Alemanha, a Advanced Material Competition. Outra startup catarinense está entre as 8 e foi incubada no CELTA, exatamente no prédio em que funciona a FAPESC.

Vinculada à Secretaria de Desenvolvimento Econômico Sustentável do Estado de Santa Catarina, a FAPESC mantém outros programas de apoio à inovação como o Tecnova e aposta nas parcerias internacionais para alavancar o empreendedorismo inovador no estado.

Informações adicionais com a jornalista Heloisa Dallanhol, e-mail heloisa@fapesc.sc.gov.br, fones (48) 3665 4812 e 84 18 11 80.

 

jewc