Fapesc inicia atendimento presencial em Chapecó, com foco na aproximação com o ecossistema do Oeste catarinense

A Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) traz novidades para o ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) do Oeste catarinense. Nesta segunda-feira, 4, a fundação dá início aos trabalhos presenciais em Chapecó, no Pollen Parque Científico e Tecnológico. Este será o primeiro espaço físico fora de Florianópolis e marcará um novo momento, ampliando a conexão entre a entidade e o ecossistema da região. 

O início da operação do espaço se dá menos de dois meses após a assinatura do Termo de Cooperação Técnico-Científica com a Fundação e a Universidade Comunitária da Região de Chapecó (Unochapecó), que faz a gestão do Pollen Parque. O documento foi assinado em 18 de agosto de 2021 pelo presidente da Fapesc, Fábio Zabot Holthausen, e pelo reitor da Unochapecó, Claudio Alcides Jacoski.   

Holthausen, que realiza visita ao município ao longo desta semana, salienta que o espaço será um local estratégico para a realização de agendas, reuniões, eventos, articulações e o estreitamento da relação entre a fundação com os atores de CTI. “É um momento significativo em Santa Catarina e a Fapesc vai conseguir estar mais próxima dos pesquisadores e dos empreendedores daquela região, algo que não acontecia em sua plenitude em função da distância física entre a capital do estado e o Grande Oeste. É incrível o que temos em desenvolvimento em Santa Catarina e hoje, a Fapesc está cada vez mais próxima das diversas regiões, especialmente por esta interlocução com a rede de Centros de Inovação”, afirma. 

No espaço em Chapecó, haverá um coordenador de projetos para atender ao público e, além disso, Holthausen deve ir com frequência ao Oeste para dialogar não apenas com o ecossistema de Chapecó, mas com o de outros municípios da região. 

Presidente da Fapesc acompanha Tec Agro 2021 

Durante sua agenda na região, o presidente da Fapesc vai participar do Tec Agro 2021, evento 100% virtual e voltado para apresentar tecnologias e estimular a inovação no agronegócio em Santa Catarina. Realizado pelo Pollen Parque Científico e Tecnológico e a Unochapecó, com o apoio da fundação, o Tec Agro ocorrerá entre terça e quarta-feira, 5 e 6, gratuitamente e com transmissão realizada na estrutura do Pollen Parque. 

O agronegócio é responsável por quase 80% da economia do Oeste. A sede do evento, Chapecó, é considerada a capital nacional da agroindústria, tendo o maior e mais avançado parque agroindustrial do segmento de carnes do país.

O Tec Agro 2021 contará com palestras ao vivo, com o Startup Farm, um espaço de inovação onde startups do setor do agronegócio e poderão apresentar seus produtos e serviços e um Hackaton, uma maratona de programação que discutirá e trará soluções para desafios do setor. 

Mais informações em www.eventotecagro.com.br 

Editais abertos 

A Fapesc está com nove editais abertos nas áreas de Ciência, Tecnologia e Inovação (CTI) para a concessão de recursos para inovação, pesquisas e bolsas. Juntos, os editais somam R$ 18.013.600,00. 

Para a formação de desenvolvedores para Tecnologia de Informação (TI), dentro Programa Dev-TI SC+Tec, o edital concede um investimento de R$ 4.032.000,00 para a formação de 1.260 novos programadores em Santa Catarina. As inscrições podem ser feitas até 25 de outubro e podem participar universidades comunitárias para oferecer os cursos na forma de extensão.

Já para o Programa de Apoio à Ativação do Ecossistema de Ciência, Tecnologia e Inovação e Desenvolvimento da Cultura de Empreendedorismo Inovador, os recursos são da ordem dos R$ 2 milhões. O edital irá beneficiar 20 projetos com R$ 100 mil cada. As inscrições encerram às 18h do dia 15 de outubro e podem participar instituições públicas ou privadas sem fins lucrativos. 

Ao Programa de Apoio ao Empreendedorismo Universitário Inovador no Estado de Santa Catarina, a Fapesc disponibilizará R$ 9,5 milhões, contemplando 95 propostas com R$ 100 mil cada. O edital pretende promover o empreendedorismo, a pré-incubação e incubação de TCCs dentro das universidades e por isso está aberto a trabalhos de instituições públicas, comunitárias e privadas sem fins lucrativos. As inscrições podem ser feitas até às 18h do dia 21 de outubro. 

Para saber mais sobre estas e outras oportunidades, acesse www.fapesc.sc.gov.br