Infracities entre os semifinalistas de competição internacional sobre soluções de cidades inteligentes

Foto: Ilustração de projeto Infracities

A startup Infracities, uma das apoiadas pela Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina (Fapesc) na última edição do Sinapse da Inovação, é uma das semifinalistas no QBE AcceliCITY Resilience Challenge, desenvolvido pela Leading Cities, em parceria com a QBE Norte America, uma competição global que busca empreendedores cujos projetos utilizam soluções de cidades inteligentes para lidar com riscos, equidade e sustentabilidade em ambientes urbanos.

O desafio foi desenvolvido para ajudar a acelerar inovações que promovem um mundo mais resiliente. Desde emergências de saúde pública e desastres naturais, até mudanças econômicas e mudanças demográficas, as cidades devem enfrentar uma série de desafios complexos.

Para o CEO da Infracities, Aloísio Pereira da Silva, “o desafio internacional vem para reforçar a importância do tema, visto que tivemos no Estado um acontecimento climático que deixou metade de Santa Catarina sem energia elétrica e sem comunicação”, cita.

Infracities foi uma das selecionadas entre mais de 400 propostas de 37 países

De julho a agosto, as semifinalistas receberão dois meses de treinamento com base na web de especialistas globais para aprimorar habilidades para estabelecer relações comerciais com o governo e desenvolver as ferramentas para garantir o financiamento do investimento. O anúncio da finalista será durante o Smart City Boot Camp, em Boston, Estados Unidos, com a entrega do prêmio de U$ 125.000,00.

Informações: www.infracities.com